O diretor de Metais e Sustentabilidade, Arnolfo Menezes, apresentou nesta quarta (24) o conjunto de políticas sustentáveis implementadas pelo Grupo Moura no II Workshop Ambiental promovido pelo Senai Pernambuco. O evento teve como tema central a gestão dos resíduos sólidos industriais. O Programa de Logística Reversa da Moura, responsável pela reciclagem de 100% das baterias comercializadas, foi detalhado, assim como o processo de fundação do Instituto Brasileiro de Energia Renovável (IBER), capitaneado pela empresa. A entidade hoje é a gestora do sistema de logística reversa de baterias em todo o País, estabelecendo metas para todo o setor, em conformidade com o Plano Nacional de Resíduos Sólidos.

A Moura conta com programas consistentes de sustentabilidade econômica, social e ambiental. Por isso, tornou-se referência no tema para empresas de todo o Brasil. A companhia gerencia os resíduos sólidos e líquidos, além de emissões atmosféricas, pautados na Política Nacional de Resíduos Sólidos e CONAMA Nº 436, respectivamente. O processo realizado pela Moura é garantido com a certificação ISO 14001 e da resolução do Conama No. 401.

Com o processo de Logística Reversa, a empresa recicla 100% de suas baterias. O ciclo acontece da seguinte forma: depois de utilizada completamente, o consumidor devolve a bateria inservível na hora da compra para o revendedor, o distribuidor recolhe a bateria, e por sua vez, devolve a Moura para que seja reciclado os componentes da bateria sem que haja impactos ao meio ambiente. Os componentes reciclados são reutilizados na fabricação de novas baterias.

Materiais originados de processos industriais, os resíduos sólidos precisam ser descartados de maneira assertiva, com um método específico, a fim de evitar consequências negativas para o meio ambiente e à saúde pública. Ao descartar uma bateria de forma inadequada, por exemplo, os resíduos presentes podem contaminar o solo e, consequentemente, o lençol freático, comprometendo a pureza da água da região. Por isso, a importância do projeto de logística reversa da Moura.

O evento irá abordar esse tema para incentivar outras empresas a se preocuparem com os seus resíduos. O objetivo é orientar as indústrias pernambucanas acerca da legislação ambiental e apresentar casos práticos de sucesso. O Workshop contará com programação de palestras, mesa redonda, debate, visita às instalações do Instituto SENAI de Tecnologia em Meio Ambiente e painel com clientes da entidade.