Adryel Nascimento, Erick Nathan, Isamara Cabral e Victor Wesley foram selecionados para participarem da Mostra Nacional de Robótica. O trabalho escolhido foi “Sistema de Hardware de Baixo Custo e Internet das Coisas para Monitoramento de Sinais Fisiológicos em Apoio às Unidades de Saúde”. Anualmente, a Mostra Nacional de Robótica premia trabalhos nas áreas do conhecimento em ciências, tecnologias, artes, ensino ou recreação, que de alguma forma mantenham vínculos com a temática da robótica ou da automação.

Os jovens selecionados participam do projeto Território do Fazer – Centro de Robótica, uma iniciativa do Instituto Conceição Moura em parceria com a Robolivre. O projeto dá oportunidades a 100 estudantes da Escola Técnica Estadual (ETE), do Instituto Federal de Ciência, Tecnologia e Educação (IFPE) e de escolas públicas municipais interessados em tecnologia.

Entre os dias 6 e 10 de novembro, os jovens viajarão para João Pessoa (PB), juntamente com João Almeida, professor que contribuiu significativamente para o desenvolvimento do projeto, e Henri Coelho, da Robolivre. Durante esse período, os estudantes terão a oportunidade de conhecer sobre outros campeonatos e no dia 9 de novembro terão o seu trabalho apresentado em exposição para os visitantes da Mostra Nacional de Robótica.

Esta é a primeira vez que Belo Jardim participa de um evento de Robótica. Esta conquista é fruto da inquietude dos jovens que participaram da primeira turma de Multiplicadores em Robótica, que aconteceu no primeiro semestre deste ano, realizado pelo projeto Território do Fazer – Centro de Robótica, do Instituto Conceição Moura com parceria da Robolivre.

A iniciativa, que está no segundo ano de realização, promove ações de educação em robótica através de aulas semanais em quatro turmas. Duas turmas são de Formação de Multiplicadores, sendo uma para alunos de nível técnico e outra para os que cursam o Ensino Médio em escolas estaduais. As outras duas são voltadas para adolescentes que estão no Ensino Fundamental II nas escolas municipais Professor Antenor Vieira de Mello, que fica na periferia da cidade; e Vereador Joaquim Medeiros, localizada na zona rural.

Para as turmas de níveis técnico e médio, as aulas são realizadas em um Centro Colaborativo de robótica no Instituto Conceição Moura. Já para as do Ensino Fundamental, os encontros acontecem nas unidades onde os alunos estudam, em laboratórios de robóticas montados pelo Instituto.

#institutoconceiçãomoura #jovensnarobótica #mostranacionalderobótica #responsabilidadesocial