Para manter a qualidade das peças do motor do automóvel, você deve lubrificá-las. Neste caso, o óleo sintético pode ser um grande aliado. Ele ajuda com a durabilidade das peças e faz com que o funcionamento do carro seja mais suave e com melhor desempenho

No entanto, além do óleo sintético, há outros tipos de lubrificantes como o semissintético e o mineral. Você conhece cada um deles? Não? É sobre isso que vamos falar neste artigo.

Quer tirar todas as suas dúvidas sobre o assunto? Então, acompanhe a leitura! 

 

O que é o óleo sintético? 

 

O óleo sintético possui uma fórmula composta por óleos básicos sintéticos e aditivos. Esses lubrificantes têm um alto grau de pureza que, quando associados a aditivos, melhoram suas propriedades químicas e físicas.

Assim, eles têm mais desempenho que os óleos semissintéticos e minerais. 

Outra característica marcante do óleo sintético é que ele é mais resistente à oxidação, porque possui uma composição mais uniforme e estável. Isso permite um melhor desempenho do automóvel e outros benefícios, como:

  • Maior lubrificação;
  • Mais durabilidade;
  • Menos sujeira;
  • Mais cuidado com o motor; e
  • Mais resistência à oxidação.

Quais as diferenças do óleo sintético, semissintético e mineral?

 

No primeiro tópico deste artigo você conheceu o óleo sintético e seus benefícios. Agora, é a hora de aprender o que é o óleo semissintético e o óleo mineral. Veja as principais diferenças: 

 

Óleo semissintético

 

O óleo semissintético é feito com uma mistura de óleos básicos minerais e sintéticos. No entanto, essa proporção é mínima e reúne as melhores propriedades de cada tipo. Vale lembrar que esse tipo de óleo usa componentes sintéticos que são mais caros e óleo mineral, que é mais barato. 

Dessa maneira, o óleo semissintético passa a ser uma boa opção para quem usa o óleo mineral. Seu valor apresenta bons resultados em comparação ao mineral. Além disso, o óleo semissintético tem benefícios, como uma boa durabilidade e preço intermediário

Imagem traseira da parte interna de um carro

Seja óleo sintético, semissintético ou mineral, o ideal é utilizar o indicado no manual de fábrica.

Óleo mineral 

 

Já o óleo mineral, composto por derivados de petróleo, é natural, tem uma estrutura molecular e irregular por causa da sua matéria prima.

Desta forma, esse tipo de óleo tem propriedades diferentes do óleo sintético e semissintético. Além disso, ele se diferencia pela qualidade, durabilidade, temperatura de ignição e viscosidade. 

Por isso, para que o óleo mineral tenha uma boa característica é necessária uma mistura desse óleo com aditivos, que tornam a estrutura mais uniforme. Entretanto, uma das desvantagens desse tipo de óleo é que um dos aditivos torna o lubrificante mineral menos durável. 

 

Qual é o melhor óleo para o seu automóvel?

 

Para saber qual é o óleo ideal para o seu automóvel, verifique as recomendações no manual do proprietário do veículo. O melhor lubrificante, seja ele óleo sintético ou não, é o recomendado de fábrica. Dessa maneira, você não cairá no erro de comprar um produto que não seja compatível com o motor do seu automóvel. 

 

Qual é o tipo de óleo oferecido pela Moura? 

 

A Moura oferece o óleo Lubel, um lubrificante automotivo de alta performance. Confira: 

 

Óleo 5W30 sintético 

 

É composto por óleos básicos 100% sintético e de alto desempenho, mais aditivos de avançada tecnologia. Esse óleo é ideal para quem deseja proteger as peças do motor de possíveis desgastes e economizar combustível.

 

Óleo 5W40 sintético

 

Lubrificante indicado para automóveis com motores a diesel equipados com filtros de partículas. Tem baixos níveis de cinzas, enxofre e fósforo. Também reduz a emissão de gases que prejudicam o meio ambiente e protege o motor de borras. 

Mecâncio mostrando a parte de dentro de um carro amarelo com capô levantado

Para além de descobrir se o óleo sintético é o ideal para o seu veículo, é importante levar em conta as orientações de um mecânico de confiança.

Óleo 5W30 semissintético

 

Possui em sua fórmula óleos básicos, sintéticos e minerais. Promove maior desempenho do veículo e possui aditivos que atendem uma boa lubrificação. Indicado para sistemas flex fuel e etanol. Também pode ser usado em automóveis com motores turbo. 

 

Óleo 10W30 semissintético

 

É composto por óleos básicos e sintéticos, aditivos especiais que oferecem maior proteção ao automóvel com motor turbo e proteção antidesgaste. 

 

Óleo 10W40 semissintético

 

É composto por óleos de base mineral hidroprocessado e sintético que garante a alta performance e o desempenho do automóvel. É indicado para motores flex e protege contra as altas temperaturas. 

 

Óleo 15W40 semissintético

 

Possui uma característica multiviscosa e tem aditivos detergentes que garantem a limpeza e a lubrificação das partes móveis do motor durante a partida. Além de facilitar a partida do motor, também é indicado para condições mais severas. 

 

Óleo 15W40 mineral

 

Protege as partes submetidas a elevadas cargas, garantindo uma operação eficiente e permitindo período de trocas estendidos. Entre seus principais benefícios, proporciona vida longa ao motor. 

 

Óleo 20W50 mineral

 

Garante rápida lubrificação nas partidas e excelente proteção contra borra e verniz. 

Como você viu neste artigo, há várias opções de óleo para o seu automóvel. No entanto, se você tiver mais alguma dúvida em relação a troca de óleo do seu veículo, procure um mecânico de confiança que possa te orientar.

Quer conhecer o óleo Lubel da Moura? Acesse o nosso site!  

Botão CTA