Em um momento em que ganham força o debate sobre como as sociedades e as atividades econômicas irão moldar suas ações no futuro pós-Covid, a eletromobilidade volta a desempenhar papel central nessa jornada de mudança. A Moura, por meio de sua Divisão de Lítio, integra projetos pioneiros no Brasil para eletrificação da mobilidade urbana, transporte de cargas e para empilhadeiras e outros veículos industriais, além de telecomunicações, energia solar e armazenamento de energia em larga escala.

O Grupo Moura vem trabalhando para se consolidar cada vez mais como a empresa brasileira com as tecnologias mais avançadas no mercado de acumuladores elétricos. Na Divisão de Lítio especificamente, os investimentos concentram-se em projeto promissores, de alta tecnologia e segurança, a partir da união com parceiros mundiais consolidados.

O segmento de veículos industriais tem apresentado amplo potencial de crescimento para eletrificação. São empilhadeiras, paleteiras, veículos utilitários, plataformas elevatórias, dentre outros. Para atender essa demanda de mercado foi desenvolvida a Moura Tração Lítio, primeira bateria com tecnologia de íons de lítio produzida pela Moura em seu complexo fabril na cidade de Belo Jardim, maior polo produtivo de baterias da América do Sul.

Outro segmento de destaque é o automotivo pesado, onde a parceria entre a Moura, líder em vendas de baterias na América do Sul, e a Eletra, empresa referência em transporte público sustentável no País, viabilizou a produção dos primeiros modelos de ônibus elétrico e híbrido 100% fabricados no Brasil. A Moura também integra o e-Consórcio da Volkswagen Ônibus e Caminhões que irá produzir o primeiro caminhão elétrico de distribuição urbana do Brasil, o e-Delivery. São soluções ideais para reduzir as emissões de poluentes nas cidades, com ampla autonomia e sem necessidade de infraestrutura de recarga em diversos pontos.