Não há nada pior do que dar a partida no carro de manhã e o motor não pegar, não é verdade? A falha pode estar relacionada ao funcionamento do motor de partida e também a duração da bateria. Além das baixas temperaturas, alguns erros comuns que muitos motoristas cometem diminuem a duração da bateria automotiva. Mas quais seriam esses erros?

Neste post, você vai conferir 11 deles. Quer ver tudo com a gente? Então, acompanhe a partir de agora a nossa lista!

1. Deixar a chave de ignição ligada por muito tempo

Às vezes por puro esquecimento, você deixa a chave de ignição ligada por muito tempo. Este é um dos erros mais comuns que prejudicam a duração da bateria dos carros. O mau uso da chave de ignição pode roubar a carga da bateria do seu automóvel e deixá-lo na estrada.

2. Esquecer os faroletes ligados

Esse é o segundo erro da nossa lista que prejudica a duração da bateria automotiva. Um farolete não pode ficar ligado a noite inteira, pois isso descarrega a bateria do seu veículo. Portanto, toda vez que você chegar do trabalho ou de uma viagem, observe se desligou os faroletes do automóvel.

3. Escutar o rádio com o carro desligado 

Quem é que não gosta de música, não é mesmo? A maioria dos motoristas gosta. No entanto, ter o costume de escutar o rádio por muito tempo, talvez por horas, sem ligar o motor do automóvel, prejudica a duração da bateria. Por isso, curta o seu possante e a boa música que ele pode oferecer, mas não fique ligado no rádio durante horas. Pense na sua bateria automotiva.

4. Ter as luzes do porta-luvas e porta traseira com defeito

Por menor que seja o problema do seu automóvel, você precisa fazer a manutenção. Você sabia que pequenos defeitos como luzes do porta-luvas e porta traseira podem descarregar a bateria? Pois é, então, para que você não seja surpreendido com a sua peça descarregada, faça esse pequeno reparo e garanta uma longa vida útil para a sua peça automotiva.

5. Descuidar do alarme

O alarme pode ser um grande “ladrão” de carga da bateria automotiva. Se você deixar o carro na garagem da sua casa e o alarme disparando as luzes e com a sirene queimada, isso poderá prejudicar a duração da bateria.

6. Ficar com a luz interna ligada

Se você, por algum motivo, deixa a luz interna do seu automóvel ligada, isso prejudica a duração da bateria. A luz ligada a noite toda consome a carga da peça. Portanto, toda vez que sair do seu veículo, observe se você deixou a luz ligada para não ter problemas com a sua bateria no dia seguinte.

carro com faróis acessos representando um prejuízo para a duração da bateria

É importante estar atento aos detalhes que podem prejudicar a duração da bateria

7. Esquecer o som ligado

Se você esquece o som  do automóvel ligado, você pode diminuir a duração da bateria. Portanto, antes de sair do carro, verifique se o dispositivo está desligado e evite problemas. Afinal, ninguém quer sair por aí e ficar a pé, não é mesmo? 

8. Aumentar número de dispositivos  prejudica a duração da bateria

Todos os automóveis vêm com os dispositivos de fábrica. No entanto, se você é daqueles motoristas que gostam de carros mais potentes ou que deseja incluir algum dispositivo de mídia além do que foi projetado pela montadora, deve adaptar os dispositivos que deseja e prestar atenção na amperagem da bateria, pois recursos que estão além do projeto original do carro, diminuem a vida útil da bateria automotiva. 

9. Não fazer as manutenções preventiva e corretiva

Outro erro que muitos motoristas cometem é não fazer a manutenção preventiva e corretiva do automóvel. A manutenção preventiva é a forma mais econômica de manter o seu veículo em bom estado. Um carro com falhas no sistema eletrônico pode ter uma pane elétrica e ocasionar problemas no motor de arranque.

Já a manutenção corretiva serve, como o próprio nome diz, para corrigir falhas nos dispositivos, principalmente eletrônicos. Nunca que se esqueça, não basta utilizar o seu veículo, você deve mantê-lo em bom estado para não ter muitas despesas no futuro. A bateria pode até ser de boa qualidade, mas se você não cuidar do automóvel como um todo, de nada adiantará comprar uma boa peça.  

10. Usar o farol de forma errada

O último erro que listamos é usar o farol de forma errada. Um bom exemplo de como não se deve utilizar o farol, é deixar para desligá-lo após desligar o veículo. Além disso é uma boa prática levantar os vidros antes de desligar o veículo.. Isso pode fazer com que a bateria consuma mais energia na próxima partida. Portanto, ao dirigir, tome cuidado com seus faróis e evite que a sua peça tenha menos vida útil. 

Agora que você já viu esses 11 erros comuns que diminuem a duração da bateria automotiva, ficará mais atento na hora de sair com seu carro, não é verdade? Cuide bem do seu veículo e você garantirá que sua bateria dure por mais tempo. 

botão que leva até o mourafacil.com

Você já cometeu alguns desses erros? Escreva para gente nos comentários!