As baterias automotivas possuem componentes que podem ser prejudiciais ao meio ambiente. Portanto, é importante que você saiba fazer o descarte de baterias da maneira correta. Mas você sabe como fazer isso e porque é tão importante não deixar a sua bateria antiga em qualquer lugar?

Neste post, vamos te ensinar quais os danos que uma bateria mal descartada pode causar ao meio ambiente. Você também vai saber quais as formas de descarte que existem e as maneiras mais apropriadas para isso.

E aí, quer conferir tudo com a gente e colaborar com a sustentabilidade do meio em que você vive? Continue lendo o nosso post!

Quais os danos que uma bateria mal descartada pode causar ao meio ambiente?

Conheça os prejuízos causados por um descarte irresponsável das baterias:

Prejuízos ao solo

Você deve tomar cuidado ao fazer o descarte de baterias, pois elas têm vários componentes tóxicos que podem contaminar o solo. Por isso, você não deve jogá-las em lixos convencionais ou na natureza, pois em uma bateria de chumbo-ácido encontram-se elementos químicos extremamente prejudicial para os seres vivos. 

Contaminação da água

Quando você faz o descarte de baterias em um terreno próximo a um lago ou rio, você colabora para a contaminação da água. Desta forma, toda vida aquática existente no local será prejudicada. Além disso, você jamais poderá utilizar a água do local.

Problemas no ar

Você deve estar pensando porque o descarte incorreto de baterias prejudica o ar, não é verdade? Pense com a gente: Se você deixa um objeto com componentes tóxicos em qualquer ambiente, ele irá contaminar o local, inclusive o ar que você respira, pois o chumbo encontrado nas baterias pode afetar o seu organismo através da respiração caso você tenha contato direto com ele. Portanto, é importante fazer o descarte de baterias de maneira adequada.

Danos à saúde

Além de prejudicar o meio ambiente, não podemos deixar de falar que o descarte de baterias quando é feito da maneira incorreta pode causar danos à saúde. A peça é composta de chumbo e outros materiais tóxicos. Quando mal descartada pode causar disfunções no sistema nervoso, problemas ósseos, circulatórios, etc.

Devido a sua baixa solubilidade, a absorção se dá por via oral ou respiratória. As crianças são mais suscetíveis aos problemas de contaminação por causa da relação contaminação/peso como também por estarem em fase de desenvolvimento do sistema neurológico e pelos hábitos de higiene poucos sedimentados.

Quais as formas de descarte que existem?

Ilustração trazendo as sete categorias de lixo que existem: vidro, orgânico, papel, metal, eletrônicos, plástico e baterias.

É muito importante conhecer todas as formas corretas de descarte de baterias:

Postos de recolhimento

Para fazer o descarte de baterias é necessário armazenar as baterias sem misturá-las com outros tipos de materiais. Você deve embalá-las em um saco plástico resistente para evitar o contato com a umidade e vazamentos. Após embalar a sua bateria, veja quais são os postos de recolhimento mais próximos da sua casa ou do local de trabalho.

Mesmo que a legislação brasileira (Art. 33 da Política Nacional de Resíduos Sólidos) obrigue a empresa fabricante a estruturar e implementar sistemas de logística reversa, você também deve ser responsável por fazer o descarte de baterias de maneira correta. Portanto, contribua para o bem do meio ambiente. Separe e procure o distribuidor Moura mais próximo para realizar o descarte.

Projetos municipais

Quem sabe na sua cidade não há um projeto municipal para o descarte de baterias? Procure se informar e separe a sua bateria automotiva!

Qual é a forma mais apropriada para fazer o descarte de baterias?

área externa representando o descarte de baterias

O descarte de baterias deve ser levado muito a sério.

Qualquer tipo de bateria, seja ela automotiva, estacionária ou tracionária precisa seguir o procedimento correto de descarte. O Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama) criou em 1999, a Resolução 257, que disciplina o gerenciamento ambientalmente adequado de baterias esgotadas, no que tange à coleta, reutilização, reciclagem, tratamento e disposição final.

Segundo o órgão, as baterias, após o seu esgotamento energético, devem ser entregues pelos clientes ou usuários ao fabricante ou distribuidor para que seja realizado o descarte seguro e ecologicamente correto. Isso é o que garante que os materiais pesados como metais e ácidos não contaminem aterros, rios e afluentes, e o lixo urbano.

Também garante que o material recuperado seja utilizado na produção de novos bens de consumo. No caso das Baterias Moura, você encontra Unidades Autorizadas que recebem as baterias inservíveis. Elas são armazenadas em local adequado e enviadas por uma transportadora licenciada à fábrica em sua unidade recicladora.

A Moura é a única produtora de baterias com metalúrgica própria na América Latina e que tem um compromisso forte com o meio ambiente. A empresa conta com toda a infraestrutura para a logística reversa das suas baterias de forma totalmente gratuita. Para quem é revendedor Moura, ao fazer o descarte de baterias, você recebe o Certificado de Destinação Final, que pode ser mostrado para seus consumidores, comprovando que você é uma empresa preocupada com seus resíduos.

 

Infográfico do descarte incorreto de baterias

 

botão que leva até o mourafacil.com

Gostou do nosso conteúdo? Continue lendo e saiba tudo sobre bateria start-stop!