Como saber se o amortecedor está ruim? Essa é uma das pesquisas mais comuns feitas na internet por motoristas que desejam entender um pouco mais sobre a mecânica de um carro.

E o interesse por essa peça não é à toa, afinal, se trata de algo fundamental para estabilidade e segurança de um veículo.

Em geral, o amortecedor é o responsável por impedir que o seu automóvel fique dando solavancos durante a movimentação, garantindo um bom desempenho durante a viagem. Além disso, ele evita que outras peças, por exemplo, os pneus, se desgastem em um curto período de tempo.

Mas como saber se o amortecedor está ruim? Quais os sinais de mau funcionamento? Quando trocar amortecedor? O que é amortecedor remanufaturado?

Confira a nossa postagem e tire todas as suas dúvidas sobre o assunto!

Como o amortecedor funciona?

O amortecedor é uma das partes importantes do sistema de suspensão, juntamente com as seguintes peças:

  • Conjunto com as molas;
  • Barras estabilizadoras;
  • Acoplamento;
  • Casquilhos.

Porém, de todas as partes do sistema, o amortecedor é o que mais se destaca, pois é o responsável por aliviar as vibrações do contato das rodas com o asfalto, evitando que o chassis receba todo o impacto.

Sem a participação do amortecedor, as molas ficam sobrecarregadas e você tem dificuldades para controlar corretamente o seu carro na estrada – caso haja desníveis no asfalto, o risco de perda de controle é ainda maior.

Já com o amortecedor funcionando da melhor maneira, você sente mais conforto e estabilidade na direção, independentemente da velocidade do carro.

Como saber se o amortecedor está ruim?

Imagem de um motorista que descobriu como saber se o amortecedor está ruim

Em dúvida de como saber se o amortecedor está ruim? Fique atento a alguns fatores que seu carro apresenta.

A dúvida de muitos motoristas de como saber se o amortecedor está ruim se deve muito à dificuldade de identificação de desgaste da peça. Não é tão simples verificar os problemas, pois a deterioração acontece de modo lento, tornando mais complexo o trabalho do proprietário.

Mas se você prestar atenção em alguns fatores é possível se prevenir. Confira as nossas dicas de como saber se o amortecedor está ruim:

Instabilidade na condução

Como explicado, uma das funções do amortecedor é impedir que o seu carro fique dando solavancos durante a viagem. Logicamente, se a peça não estiver funcionando corretamente, você sentirá dificuldades na direção.

Então, caso perceba uma constante instabilidade na direção do veículo, é interessante avaliar o amortecedor na próxima revisão.

Pneus com desgaste desnivelado

O desgaste acentuado dos pneus é uma das principais maneiras de responder a dúvida sobre como saber se o amortecedor está ruim. Nesse caso, não vai importar se os pneus do seu carro são novos ou de marcas renomadas, o prejuízo será automático.

Isso acontece porque os pneus passam a sofrer impactos mais fortes e perdem contato com o solo por muito mais tempo, causando desgaste rápido e de maneira desnivelada.

Falta de estabilidade

Está com falta de estabilidade na hora de fazer curvas ou frear o veículo? Também é uma maneira “simples” de como saber se o amortecedor está ruim. Sem a segurança do amortecedor, a traseira do automóvel tende a balançar mais que o normal durante a viagem.

Assim como todos os problemas, fica mais difícil de controlar o carro e você passa a dirigir com muito mais instabilidade.

Vazamento de óleo

Quando está em funcionamento, o amortecedor comprime o óleo para diminuir os impactos do carro. Porém, quando há algo de errado, o mesmo óleo vaza e acaba impedindo que a peça cumpra a sua função.

Por isso, avaliar vestígios de óleo, mesmo que já estejam secos, é mais uma forma de saber se o amortecedor está ruim.

Quando trocar amortecedor

Imagem de uma especialista aprendendo como saber se o amortecedor está ruim

É importante saber quando trocar amortecedor para garantir mais segurança e tranquilidade durante suas viagens.

Caso você não identifique nenhum dos problemas citados acima, talvez surja a pergunta: quando trocar amortecedor?

Uma das dicas é seguir as indicações do próprio fabricante do carro ou especificamente da peça. Você também pode fazer a substituição a cada 50,000 km rodados ou na indicação do mecânico durante a revisão.

Qual o melhor amortecedor?

Quando for trocar, qual o melhor amortecedor? Não tenha dúvidas que a melhor escolha é sempre por um produto novo e de marca confiável.

No entanto, a decisão também deve considerar caso por caso. Para não correr riscos, utilize a avaliação do seu profissional para escolher o amortecedor mais adequado para o veículo.

O que é amortecedor remanufaturado e quais os riscos de usar um?

Um amortecedor remanufaturado é uma peça já utilizada que passa por uma “reforma” para ser condicionada a um novo uso. O intuito é fazer com que ela possa ser um item de substituição com um preço mais acessível.

Mas, como se trata de uma peça com funcionalidades importantes, o uso de um amortecedor remanufaturado pode trazer graves consequências para o carro, como:

  • Riscos de perda de estabilidade;
  • Desgaste prematuro dos pneus; 
  • Aquaplanagem;
  • Trepidações.

Essas foram nossas dicas de como saber se o amortecedor está ruim. Como explicado, trata-se de uma peça fundamental para a sua segurança enquanto condutor, portanto, não se arrisque investindo em produtos de qualidade duvidosa. 

Dê preferência sempre para marcas de sua confiança, como a Moura, que tem uma das melhores baterias automotivas do mercado. Além disso, é possível pedir sua bateria online e receber em casa!

botão que leva até o mourafacil.com