Você já sabe para que servem as baterias automotivas, não é verdade? No entanto, já parou para pensar como funciona a garantia da bateria? O que faz parte da cobertura e o que não faz? Para te ajudar a entender quais são seus direitos como consumidor, abordaremos o certificado de garantia Moura e outros assuntos voltados à garantia de baterias veiculares. 

Portanto, se você gosta de estar sempre prevenido, atualizado e deseja ficar bem informado, continue com a gente para aprender tudo sobre a garantia da bateria.

Certificado de garantia Moura 

O certificado de garantia Moura é entregue às pessoas que adquirem qualquer uma das baterias da empresa. Por isso, é importante que, ao realizar a compra, você guarde o certificado com cuidado. No caso de a bateria parar de funcionar ou apresentar outros problemas durante a garantia, a fábrica ou o revendedor de quem você comprou o produto irá realizar a troca da peça sem dificuldades. 

Mas, atenção! É importante saber o que o certificado de garantia Moura cobre e o que não faz parte do serviço ofertado. Se a bateria tiver uma sobrecarga, por exemplo, essa condição não será coberta pela garantia da bateria. Portanto, o mau uso da peça acarreta que quaisquer prejuízos fiquem por conta do dono do veículo. 

Além disso, a sobrecarga pode acontecer de duas maneiras: quando o alternador carregar em excesso a bateria e danificar toda a estrutura interna da peça ou quando você usar de forma constante os acessórios elétricos do carro com ele desligado ou então instalar novos dispositivos que não são previstos de fábrica. 

Nesses casos, a nossa dica é respeitar os prazos corretos das revisões elétricas que são indicados pelo fabricante do automóvel e consultar um especialista antes de instalar acessórios elétricos que demandam muita energia. Assim, você evitará a sobrecarga na sua peça e estará amparado para outros defeitos que por ventura possam surgir. 

Linha Convencional e linha AGM

Também é preciso entender como funciona a garantia de bateria para as diferentes peças que a Moura fornece. No caso das linhas Convencional e AGM, há diferenças na aplicação da garantia. 

A linha Convencional, que foi projetada para veículos com muita eletroeletrônica embarcada, oferece 18 meses de garantia Moura. As baterias tradicionais geralmente são usadas em carros populares, sedãs, SUVs, hatchs e picapes. 

imagem noturna de uma avenida com diversos carros.

A garantia Moura assegura que você receba uma peça novinha em caso de defeito.

Já a linha AGM, conta com 24 meses de garantia e são destinadas para veículos de alta performance como os carros com tecnologia start-stop. Vale lembrar que esses automóveis são aqueles que o motor desliga quando para em um sinal, por exemplo. Essa tecnologia demanda maior qualidade do sistema de partida e, consequentemente, da bateria. 

Nesses dois casos, a atenção que você deve ter é quanto ao uso indevido da bateria, principalmente. No entanto, para que não haja problemas com a garantia Moura, você deve usar a peça que é indicada para o modelo e o ano do seu carro. 

Se você tem dúvidas quanto qual peça comprar, verifique o manual do proprietário do automóvel ou pesquise pelo modelo do seu automóvel no mourafacil.com. No site, você encontra todas as informações necessárias para fazer uma compra segura da sua bateria automotiva.  

Garantia: baterias Moura e a lei do consumidor

A garantia de bateria está prevista no Código de Defesa do Consumidor. Segundo a lei, a garantia é de três meses e, além disso, o fabricante deve disponibilizar um contrato para o comprador assinar assim que a peça é adquirida. Esse contrato é conhecido como garantia contratual. 

Portanto, pela lei do consumidor, a garantia vale a partir data escrita no documento que vem com a bateria. No caso da Moura, sua garantia passará a valer a partir da data que estiver no certificado de garantia que é entregue pela empresa. 

Observe também como o vendedor preenche o seu certificado de garantia Moura, já que o profissional deve escrever apenas o mês e o ano, e não o dia. Isso é mais uma maneira do consumidor ter a garantia completa do mês assinalado e das datas acordadas para o cumprimento do contrato. 

Em relação ao tempo total de garantia da peça, cada fábrica tem o seu prazo definido. Algumas baterias contam com 12 meses, outras 15 e até mesmo 24. No certificado de garantia Moura, você tem todas as informações que precisa em relação a peça que foi comprada. 

imagem de um motor que contém uma bateria da Moura

O funcionamento do seu carro depende da bateria, por isso, é importante saber quando e como usar a garantia Moura.

Outro detalhe sobre Código de Defesa do Consumidor é que, se a bateria estragar durante a garantia, a fábrica terá que trocar a peça. No entanto, o tempo de garantia continuará sendo o da primeira compra, no caso, a que apresentou defeito.

Usando a garantia Moura

Caso você precise acionar a garantia da bateria é necessário entrar em contato com o distribuidor da sua região. Se o certificado de garantia Moura não for localizado, você poderá solicitar a garantia da peça a partir da nota fiscal e/ou levar o seu produto ao representante autorizado. 

Como você viu, é importante conhecer seus direitos e saber o que a garantia cobre em relação a bateria automotiva. Para ter mais durabilidade e valorizar o funcionamento geral do seu carro, evite a sobrecarga e o mau uso da peça! E, se precisar de uma bateria novinha que não envolva a garantia? Corre pro mourafacil.com, o portal mais fácil e intuitivo para fazer seu agendamento e ter sua bateria instalada num piscar de olhos: 

botão CTA que leva até o mourafacil.com